Processos de Descoloração.

Processos de Descoloração.

 

As técnicas de corrosão, descarga e descoloração, partem do princípio oposto aos processos de tintura. 

 

Há dois tipos de descoloração: A corrosão ou descarga por imersão

e os processos com descoloração localizada com gel descolorante.

Estes processos aplicados a tecidos tintos industrial, ou artesanalmente, visam desbotar, corroer e substraer a cor dos tecidos.

 

DESCOLORAÇÃO POR IMERSÃO:

 

A descoloração pode ser em todo o tecido, na barra ou em partes estratégicas localizadas.

O tie-dye invertido, é um dos recursos mais bonitos conseguidos por descoloração imersa, e dá base para outras intervenções como tingir

a parte descolorada com outra cor, pintar ou bordar na parte descolorada.

Vamos apreender a utilizar a descoloração imersa sobre tecidos de base natural como algodão, linho, viscose, visco lycra e seda.

  • Facebook - Black Circle
  • Instagram - Black Circle

Duração uma diária das 10 às 17 h.

Importante: Os descolorantes usados no cursos não são produtos a base de cloro, por isso não danificam as fibras.

Inclui uso de descolorantes  e corantes profissionais, importados, produtos auxiliares e equipamentos, menos os tecidos que você poderá trazer ou comprar na loja do atelier.

 

DESCOLORAÇÃO LOCALIZADA

Em peças já confeccionadas como blusas e vestidos de malha, podem-se descolorar as barras ou fazer amassados, manchas e desenhos localizados com o processo de descoloração em gel, que pode ser aplicado à pinceladas, com carimbos, block print ou tela de serigrafia. Os efeitos são surpreendentes!

 

Duração uma diária das 10 às 17 h.

Importante: Os descolorantes usados no cursos não são produtos a base de cloro, por isso não danificam as fibras.

Inclui uso de descolorantes  e corantes profissionais, importados, produtos auxiliares e equipamentos, menos os tecidos que você poderá trazer ou comprar na loja do atelier.

Siga-nos por Facebook